20 outubro 2020 Fazer do meu jeito

Nunca é tarde demais para aprender a cozinhar ou se aventurar na cozinha!

Texto: Sempre é um bom momento para começar a cozinhar e se aventurar no preparo de várias receitas. Na imagem, destaque para a porcelana Mia Cristal, da Oxford. Foto: Carpintaria Estúdio.
Sempre é um bom momento para começar a cozinhar e se aventurar no preparo de várias receitas. Na imagem, destaque para a porcelana Mia Cristal, da Oxford. Foto: Carpintaria Estúdio.

Estamos passando por um período de experiências, literalmente. Que tal aproveitarmos este momento em que podemos ficar mais em casa para colocar o hábito de cozinhar em prática?

Pensando nisso, convidamos a Larissa Januário, do perfil @semmedida, para nos auxiliar com algumas dicas práticas e muito valiosas! Seguindo estas sugestões, cozinhar pode se tornar uma atividade sem maiores complicações!

Vamos lá?

1 – Garanta os utensílios básicos: uma boa faca afiada, uma tábua de corte, uma frigideira, uma caçarola, um copo medidor, uma colher de silicone, panos de prato e avental.

Texto: Alguns utensílios são indispensáveis para dar o primeiro passo na tarefa de cozinhar. A Oxford dispõe de uma linha completa de utensílios para te ajudar neste momento. Foto: Carpintaria Estúdio.
Alguns utensílios são indispensáveis para dar o primeiro passo na tarefa de cozinhar. A Oxford dispõe de uma linha completa de utensílios para te ajudar neste momento. Foto: Carpintaria Estúdio.
Texto: As facas afiadas são fundamentais para o bom preparo das receitas. As facas em aço inox da Oxford são perfeitas para esta tarefa. Foto: Carpintaria Estúdio.
As facas afiadas são fundamentais para o bom preparo das receitas. As facas em aço inox da Oxford são perfeitas para esta tarefa. Foto: Carpintaria Estúdio.

2 – Escolha receitas fáceis, com poucas etapas, que você já tenha comido e que levem ingredientes que você goste muito. Você já saberá como é o resultado final e, assim, a chance de dar certo é maior.    

3 – Leia toda a receita antecipadamente, certifique-se de que tem todos os ingredientes e se é possível adaptar ou substituir algo. 

4 – Planeje-se. Reserve o tempo necessário para a receita escolhida e verifique se tem algo que deve ser feito antecipadamente. Fazer com pressa para quem não tem prática aumenta a chance de dar errado. Separe também os utensílios que serão utilizados na receita e veja se é possível adaptar com o que você tem.

Separar e organizar os ingredientes antes de iniciar o preparo é outra dica fundamental para o sucesso de qualquer receita. Os potes de vidro borosolicato da Oxford são ideais para facilitar sua rotina. Foto: Carpintaria Estúdio.

5 – Faça o ‘mise en place’, ou seja: separe, lave, descasque, pique e meça todos os ingredientes antes de começar. Isso evita surpresas e atropelos durante o preparo.   

Texto: O processo de separar os ingredientes da receita facilita na hora de cozinhar! Foto: Carpintaria Estúdio.
O processo de separar os ingredientes da receita facilita na hora de cozinhar! Foto: Carpintaria Estúdio.

6 – Comece sempre temperando com pouco sal e deixe para corrigir no final, se necessário. Uma comida salgada é mais difícil de salvar que uma sem sal. 

7 – Mantenha a organização da cozinha durante o preparo. Separe um pote para os lixos gerados durante o processo e vá sempre lavando a louça para não acumular bagunça.  

8 – Pratique e não desanime com os erros. Quanto mais vezes você fizer uma receita, melhor ela vai sair! E com o tempo você poderá fazer variações de um mesmo prato.

Texto: Não deixe de insistir naquela receita mais elaborada. Faça quantas vezes for necessário para obter o resultado desejado! Na imagem, a travessa refratária redonda da Oxford. Foto: Carpintaria Estúdio.
Não deixe de insistir naquela receita mais elaborada. Faça quantas vezes for necessário para obter o resultado desejado! Na imagem, a travessa refratária redonda da Oxford. Foto: Carpintaria Estúdio.

Cozinhar pode se tornar algo que vai além de simplesmente saciar a fome. Pode ser sua válvula de escape, sua terapia, seu hobby. Independente da função que empregar ao ato de cozinhar, estas instruções da Larissa (@semmedida) certamente facilitarão sua rotina e irão proporcionar experiências únicas, especiais.

Os ramequins se diferenciam das demais tigelas por possuírem a parte de fora “estriada”, ou seja, com essas pequenas linhas em alto-relevo.

Neste post, trazemos também algumas ideias para otimizar o seu tempo na cozinha de forma super fácil.

Conte com a Oxford para fazer parte destes momentos!

A Oxford quer te ajudar na tarefa de aprender a cozinhar! Conte com a gente! Em destaque, a coleção Floreal Bilro. Foto: Carpintaria Estúdio.

Heloisa
LEIA AS OUTRAS MATÉRIAS

HeloisaSecretária por vocação, amante da escrita e dos escritores. Aprecia uma boa conversa, se empolga com fotografias e considera a música uma grande amiga, fonte de inspiração. Acredita que rir, realmente, é o melhor remédio. Romântica² crê que o amor tudo pode, tudo vence. Perfeccionismo e determinação são parceiros, companheiros de longa data.

    Gostou? Deixe seu comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *