07 janeiro 2022 Comer e Beber, Fazer do meu jeito

O sanduíche, ou algo similar a ele, está presente em praticamente todas as culturas gastronômicas. Ou seja, servir um recheio envolto em um massa – pão ou tortilha – facilita na hora de comer, permitindo refeições mais rápidas e descontraídas.

No Brasil, os sanduíches mais tradicionais são o misto quente, o bauru e o famoso sanduíche de mortadela. Da mesma maneira, outros países da América Latina também possuem suas versões de massa + recheio: choripán na Argentina, arepas na Colômbia e tacos no México.

Hoje vamos ensinar 3 sanduíches famosos, muito consumidos em seus países de origem e popularizados pelo mundo: croque monsieur, muffuletta e bagel com salmão.

Croque monsieur: o clássico francês

“Croque” significa crocante e “monsieur” significa senhor, então a tradução literal para o nome seria “senhor crocante”. O sanduíche surgiu no final do século XIX e o primeiro registro dele com esse nome é no cardápio de um café no Boulevard des Capucines, em Paris.

Ingredientes para o molho bechamel:

  • 2 colheres de sopa de manteiga
  • 2 xícaras de leite
  • 1 colher de sopa de farinha de trigo
  • noz moscada
  • sal e pimenta do reino

Ingredientes para o sanduíche:

  • 3 fatias de pão de forma
  • 1 colher de sopa de manteiga
  • 6 colheres de sopa de queijo gruyére ralado
  •  4 fatias de presunto
  • 1 colher de chá de mostarda dijon

Modo de preparo do molho: em uma panela com fogo baixo, derreta a manteiga e coloque a farinha, mexendo com um fouet (batedor de arame), por aproximadamente dois minutos, sem deixar escurecer. Junte o leite aos poucos, sem parar de mexer, até engrossar. Desligue o fogo e tempere com sal, pimenta do reino e noz moscada.

Montagem do sanduíche: passe manteiga nos dois lados de cada fatia e toste na frigideira. Esse passo é muito importante para que o pão fique crocante e não absorva tanto o molho. Depois monte o sanduíche intercalando uma fatia de pão, um pouquinho de mostarda dijon, 2 colheres de queijo e 2 fatias de presunto por camada.

Muffuletta: o sanduíche criado por imigrantes italianos

Muffuletta é o nome de um tipo de pão tradicional da Sicília, mas o sanduíche em si foi criado por imigrantes italianos que já viviam em Nova Orleans, no sul dos Estados Unidos. O primeiro registro dele é de 1906, e a iguaria se espalhou pelo mundo desde então.

Ingredientes:

  • 1 pão italiano médio
  • 3 colheres de sopa de azeitonas pretas
  • 3 colheres de sopa de azeitonas verdes
  • 150g de tomate seco em conserva no azeite
  • 3 colheres de azeite de oliva
  • Queijo mussarela em fatias (cerca de 150g)
  • Queijo provolone em fatias (cerca de 150g)
  • Salame italiano em fatias (cerca de 150g)
  • Presunto em fatias (cerca de 150g)
  • sal e pimenta do reino à gosto

Modo de preparo sala de azeitonas: pique bem o tomate seco e as azeitonas, junte com o azeite e tempere com sal e pimenta do reino.

Montagem do sanduíche: corte a parte de cima do pão e retire boa parte do miolo, como se fosse servir uma sopa. Faça uma camada da salada de azeitonas e depois vá intercalando: queijo, embutido, queijo, embutido e assim por diante. Finalize com uma camada generosa da salada de azeitonas e feche o sanduíche.

O ideal é deixar o sanduíche descansar por pelo menos três horas antes de servir, para absorver bem os sabores. Outra dica é colocar um peso sobre ele, como uma panela vazia, para que as camadas fiquem bem compactas.

Esse sanduíche é perfeito para harmonizar com um bom vinho e fazer aquele jantar italiano informal. Aqui você pode encontrar dicas para montar uma mesa italiana chique e simples.

Bagel com salmão defumado: da Polônia para Nova Iorque

Bagel é um pão salgado, de massa solada, em formato de rosquinha e sementes de papoula em cima. É um pão da cultura judaica que foi trazida pelos imigrantes para NY e logo se popularizou na metrópole. Por ser simples, ele é facilmente encontrado em cada esquina da cidade, para comer puro com recheio de queijo, ovos, frios, etc.

Entretanto, existe uma receita tradicional que ainda é servida por restaurantes de imigrantes poloneses: bagel com cream cheese e salmão defumado. Em Nova Iorque, eu experimentei o sanduíche no Russ and Daughters, uma lojinha pequena que vende vários tipos de salmão, bagels e tem poucos lugares internos.

A combinação do pão quentinho, com o cream cheese fresco e o salmão fatiado na hora que derrete na boca, é inesquecível. Claro que nunca ficará igual, mas é possível replicar a receita aqui.

Como o salmão é salgado e o pão também, não vejo necessidade de colocar sal, mas pode-se temperar à gosto.

Todas as receitas acima podem sofrer adaptações e variações, de acordo com as preferências de cada um e com os ingredientes disponíveis em cada região. Bons sanduíches!

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *